%PM, %06 %655 %2018 %14:%Nov.

Cruz Vermelha Portuguesa eleita para Grupo de Coordenação do EU/RC Office em Bruxelas

A Cruz Vermelha Portuguesa, representada pelo Secretário-Geral Alexandre Abrantes,  integra o novo Grupo de Coordenação do Escritório da Cruz Vermelha junto das Instituições Europeias (RC/EU Office) que irá vigorar nos próximos três anos (2019-2021) e cujo objectivo é assegurar a execução das decisões tomadas pelos seus membros.

Segundo Alexandre Abrantes, Portugal, a Finlândia e o Luxemburgo vão assumir a coordenação do escritório da Cruz Vermelha na UE.

O Escritório da Cruz Vermelha junto das Instituições Europeias (RC/EU Office) é uma parceria entre as Sociedades Nacionais da Cruz Vermelha da União Europeia, entre as quais a Cruz Vermelha Portuguesa, e a Federação Internacional das Sociedades da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho (Federação).

Criado em 1983 pelas Sociedades Nacionais da UE para assegurar uma representação coordenada junto das Instituições Europeias, desde 2002 que representa também a Federação não só junto das instituições Europeias, mas também junto de organizações internacionais e redes de ONGs baseadas em Bruxelas.

Alexandre Abrantes é médico, doutorado em saúde pública, Secretário-Geral da Cruz Vermelha Portuguesa e acumulou, muito recentemente, o cargo de Presidente não executivo do Conselho de Administração da Sociedade Gestora do Hospital da Cruz Vermelha, em substituição de Marta Temido, actual Ministra da Saúde.

EUOF1

 

Powered by jms multisite for joomla