• Descobre o Voluntário que há em ti.

Socorro e Emergência

EMERGÊNCIA

As Equipas de Emergência  são constituídas por profissionais e voluntários, especificamente formadas e treinadas para o cumprimento das missões de auxílio, assistência, tratamento de doentes e feridos, transporte e primeiros socorros. A sua intervenção abrange três âmbitos: Transporte, Eventos e Emergência.

 

TRANSPORTE

Serviço para facilitar a acessibilidade das pessoas com mobilidade condicionada, permitindo-lhes a deslocação de e para locais de atividade ocupacional, estudo ou terapêutica, bem como para serviços de saúde. Assegura os seguintes serviços de transporte ocasional ou de rotinas regulares :

           - Transporte de doentes não urgentes em situação vulnerável, que seja instrumental à realização das prestações de saúde, mediante pedido da ARS e/ou protocolos estabelecidos.

           - Transferência inter-hospitalar de doentes de alto risco.

           -  Transporte de emergência social.

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

EVENTOS

Serviço de apoio em contexto de Emergência Pré-Hospitalar, que consiste na prestação de apoio médico-sanitário para a cobertura de uma iniciativa, ou evento, onde existam riscos previsíveis devido à afluência de pessoas, ou atendendo às características especiais do evento. Englobado numa estratégia integral sanitária preparada para cobrir tanto eventuais emergências coletivas, como necessidades de assistência médica individual que possam surgir em cada caso.

Recursos disponíveis:

Operacionais: Ambulâncias de emergência, bicicletas, moto 4, comunicações, veículos de logística, postos de socorro, postos médicos avançados, tendas.

Humanos: Médicos, enfermeiros, técnicos de emergência médica, psicólogos e assistentes sociais.

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

SOCORRO E EMERGÊNCIA

O CH Lisboa está pronto a atuar na zona geográfica de Lisboa, em articulação com a Proteção Civil, o INEM, as diferentes autarquias e outras entidades competentes, nas seguintes situações:

- Apoio à sobrevivência com prestação de socorro, abrigo temporário, água potável, condições adequadas de saneamento, ajuda alimentar, cuidados básicos de saúde e apoio psicológico;

- Apoio psicossocial, com promoção, organização e coordenação de projetos e programas psicológicos, em contextos psicossociais da vida diária e em situações de exceção, com o objetivo de proporcionar alívio do sofrimento emocional; reduzir o risco de que a situação evolua para problemáticas psicológicas de maior gravidade e ajudar a minimizar queixas ao nível da saúde. 

           - Comunicações de emergência, assegurando uma ligação permanente, fiável e de qualidade, entre a coordenação nacional e as estruturas locais;

           - Apoio médico;

          - Apoio à mortuária;

          - Salvamento em grande ângulo;

          - Ações de prevenção.

 

VOLUNTARIADO NA EMERGÊNCIA  

Como Fazer para pertencer a uma Equipa de Emergência e ser Socorrista?
1. Inscrição em Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
2. Entrevista
3. Curso de Formação Base: (segundo diretiva nº01/Emergência/DG/2016,
Programa Formação para Equipas Emergência CVP) com carga horária de 108 horas privilegiando os seguintes conteúdos programáticos: formação institucional, competências operacionais, curso de tripulante de ambulância de transporte (TAT), exercício prático.
4. Juramento (de acordo com a alínea 4 do Art.º 50 dos Estatutos da CVP)

Coordenação: Rui Oliveira

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Powered by jms multisite for joomla